BUSCA NO SITE:

Por que um estúdio de 3D fala tanto sobre Marketing?

por Fabio Torlai em 06/10/2020 às 13:02:40.

Perguntaram para a gente no Instagram: 'Se vocês trabalham com 3D e design, por que falam de marketing?'

Boa pergunta! Vamos lá...

Estudar e discutir marketing permite que:

01 - Nossos serviços tragam resultados melhores;


02 - Tenhamos a capacidade de conversar e contribuir com as pessoas envolvidas na criação das campanhas;


03 - Tenhamos uma visão mais ampla do que está acontecendo e sejamos rápidos em adaptar os serviços à realidade;


 

01 - Como saber sobre marketing melhora o trabalho de conteúdo visual? 

Se nosso objetivo fosse só criar imagens realistas e bonitas, realmente não faria sentido nenhum estudar e discutir marketing.

Mas a qualidade estética é só uma parte do processo.

Nosso público é feito de pessoas que entendem o investimento em publicidade como um meio para alcançar um resultado. Empreendedores que levam os projetos a sério e querem competir em alto nível.

Não queremos clientes que encaram as ilustrações como mais um item no checklist de lançamento e escolhem o fornecedor pelo fato de ser mais barato.

Nosso trabalho é apoiar e enriquecer a comunicação dos nossos clientes. É explicar o produto e principalmente, ajudar a encantar o público.


Resultados não acontecem por acaso. Se não soubermos o por quê do que estamos fazendo, fica tudo entregue à sorte e isso prejudica o cliente.

Saber sobre marketing permite conhecer o processo de vendas.

Assim sabemos que não adianta fazer um filme de topo de funil detalhado e com um ritmo lento, e que é errado ter um filme de meio de funil que parece um trailer de filme de ação (que papo é esse de funil?!).

Cada passo da jornada de compra precisa dos tipos de conteúdo certos.

Para funcionar no material de campanha, a imagem tem que:

  • Ter qualidade estética;
  • Ser adequada ao momento no processo de compras;
  • Ser pensada para a mídia em que aparece;
  • Estar composta e humanizada de acordo com o público alvo.

Para chegar nesses resultados, precisamos ampliar nosso kit de ferramentas.

02 - Conseguir nos comunicar com o pessoal do marketing é vital.

Se ficarmos isolados, sem pensar nas outras partes da campanha enquanto criamos o conteúdo, o resultado final da campanha fica muito abaixo do que poderia ser.

Trabalhando com 3D, estamos numa intersecção entre engenharia, arquitetura e publicidade.

Ao criar um projeto 3D, temos que organizar projetos que vem de várias pessoas envolvidas no processo. Precisamos saber conversar com essas pessoas.

Seria irresponsável não conhecer o básico nessas áreas com as quais lidamos diariamente.


Ser um estúdio que além de ler projetos, consegue entender e até contribuir com as ideias da agência de publicidade coloca nossos clientes numa posição vantajosa.

Todo o conteúdo que fazemos é pensado para encaixar na estratégia escolhida para vender o empreendimento.

 

03 - Reação rápida às mudanças de cenário


Saber sobre marketing possibilita que a gente perceba como as formas de comunicação estão mudando.


Por exemplo: Se estivéssemos com foco 100% fechado só no 3D, ainda não teríamos percebido que agora as pessoas estão vidradas no smartphone o tempo todo e, portanto, a comunicação precisa migrar para o mobile. 

Para que isso dê certo, o conteúdo visual precisa ser completamente repensado.

A imagem que funciona bem no site e na revista não tem o mesmo impacto na tela pequena e disputada do celular.

Ficar repetindo o mesmo de sempre vai dar cada vez menos resultados.

Se não soubermos disso e de outros princípios básicos, ficaremos mais longe do nosso objetivo.

Se o nosso objetivo é ajudar a gerar resultados, ignorar tudo isso seria um absurdo enorme. Estamos aqui para criar a ponte entre quem constrói as cidades e as pessoas que vivem nelas.


Entender de marketing é entender de pessoas. Nós acreditamos que esse esforço vale a pena.




Isso é o que nos coloca como líderes de pensamento no setor, nossas ideias são inspiração para dezenas de outros estúdios.


Por isso nossa marca é um farol.


Um ponto de referência e a partir do qual, se enxerga mais longe.


  • Compartilhar:
Fique por dentro de todas as novidades. Cadastre-se em nossa newsletter:
Receba conteúdos exclusivos sobre o mercado imobiliário: comunicação, inovação, estratégia e cases. Seu endereço de e-mail estará seguro.